Miscelânea

Kanji

Depois de um ano e meio analfabeta, começo a entender um pouquinho da escrita japonesa. Eles misturam 3 códigos diferentes: o Hiragana e o Katakana foram criados no Japão e são usados como fonemas, formam palavras como nós fazemos usando o alfabeto. São poucos os fonemas da língua japonesa, uma curiosidade é que eles não são capazes de pronunciar consoantes isoladas.

Esta tabela mostra como é o Hiragana. Cachorro, que em japonês é inu, fica escrito assim: いぬ. Em um outro post, Analfabeta, falo um pouquinho sobre o Katakana.3629834542_b42e4315f9

O terceiro código é o Kanji, que veio da China. Vou tentar explicar o que eu entendi sobre esses símbolos complicados e que assustam bastante os estrangeiros por aqui. Cada Kanji representa diretamente seu significado, sem o intermédio da palavra. Em português por exemplo, “livro” é um conjunto de letras que formam uma palavra que significa o objeto livro. Com o Kanji, pulamos a etapa da palavra.

images

Hon – livro

 

Quando olham este símbolo, tanto os japoneses quanto os chineses identificam como livro, mesmo tendo línguas diferentes. A mãe de um amigo da minha filha veio de Taiwan. Morou aqui durante um ano, não falava japonês, mas conseguia entender muito do que estava escrito a sua volta.

 

Grande parte dos Kanjis são super complicados, consegui aprender muito poucos entre os mais simples. Achei interessante saber que a origem deles é a imagem, apesar de na maioria das vezes ser quase impossível relacioná-los com o que representam. Tirei umas fotos de um cartaz que serve para ensinar as crianças a aprender a ler os Kanjis. Minha professora de japonês usa o mesmo material com os alunos estrangeiros. Será que meus leitores brasileiros conseguem ver algum sentido nessas abstrações?

Desde 1995, todo ano no dia 12 de dezembro é escolhido aqui no Japão o Kanji que melhor representa o que aconteceu nos últimos 12 meses. Este ano, este foi o eleito, significa imposto: 税. A taxa cobrada sobre o consumo foi aumentada pela primeira vez nos últimos 17 anos…

Categorias:Miscelânea

Tagged as: ,

2 replies »

  1. Em verdade, muitos dos kanjis que vemos hoje sofrerão transformações com o passar do tempo. Isso, certamente, corrobora a dificuldade de relacioná-los com as imagens que os representam.

    Gostar

  2. Muito legal, dá para ver algum sentido sim. Isso é o oposto da lingua inglesa (americana), objetiva, com poucas variações, pouco dada às abstrações…
    Arte total.

    Gostar

Pode comentar!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s