O lixo é de cada um

Há uns meses atrás apareceu uma discussão no facebook que ficou na minha cabeça. Estavam reclamando que faltavam latas de lixo nas ruas do Rio. E que as que haviam eram muito pequenas, pouco práticas.

Aqui não tem latas de lixo na rua. Também não tem gari. E as calçadas são limpíssimas. Só se encontra latas de lixo do lado das vending machines, que são as máquinas que estão por todo o lado com todos os tipos de bebida à venda. E as latas do lado dessas máquinas são especificamente para garrafas pet e latas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO outro lugar possível de se encontrar latas de lixo é dentro das lojas de conveniência. E é só.

Há pouco tempo entendi o motivo. Para os japoneses, o lixo é de cada um. É um desrespeito para com a cidade levar o lixo para a rua. E eles não comem andando. Eles param, compram o suco, chá ou lanche, comem e jogam fora antes de voltar a caminhar. O lixo pertence à pessoa que o produz, e é de inteira responsabilidade dela.

Não há necessidade de latas de lixo ou garis catando a sujeira produzida pelos cidadãos, porque eles respeitam sua cidade.

Os “garis” daqui cuidam dos muitos jardins espalhados por Tóquio e têm muito trabalho principalmente no outono, catando as folhas que caem das árvores…

Conseguem ver algum lixo nestas fotos? E aquelas lindas latas cor-de-laranja?

OLYMPUS DIGITAL CAMERA